[{"values":[{"value":"Português","languageCode":"pt-br","link":"javascript:void(0);"},{"value":"日本語-Japonês","languageCode":"ja-jp","link":"javascript:void(0);"},{"value":"中文-Chinês","languageCode":"zh-cn","link":"javascript:void(0);"},{"value":"English-Inglês","languageCode":"en-us","link":"javascript:void(0);"}],"label":"BR","default":"pt-br"},{"values":[{"value":"Português","languageCode":"pt-br","link":"javascript:void(0);"},{"value":"日本語-Japonês","languageCode":"ja-jp","link":"javascript:void(0);"},{"value":"中文-Chinês","languageCode":"zh-cn","link":"javascript:void(0);"},{"value":"English-Inglês","languageCode":"en-us","link":"javascript:void(0);"}],"label":"JP","default":"ja-jp"},{"values":[{"value":"Português","languageCode":"pt-br","link":"javascript:void(0);"},{"value":"日本語-Japonês","languageCode":"ja-jp","link":"javascript:void(0);"},{"value":"中文-Chinês","languageCode":"zh-cn","link":"javascript:void(0);"},{"value":"English-Inglês","languageCode":"en-us","link":"javascript:void(0);"}],"label":"CN","default":"zh-cn"},{"values":[{"value":"Português","languageCode":"pt-br","link":"javascript:void(0);"},{"value":"日本語-Japonês","languageCode":"ja-jp","link":"javascript:void(0);"},{"value":"中文-Chinês","languageCode":"zh-cn","link":"javascript:void(0);"},{"value":"English-Inglês","languageCode":"en-us","link":"javascript:void(0);"}],"label":"US","default":"en-us"}]
true

Silanos e Siliconatos

Bom Desempenho Sob Pressão

Ampliando propriedades de proteção, aderência e hidrofobia

O uso de pequenas moléculas de base siliconada, chamadas silanos, aumenta a aderência e penetração de diversas formulações e melhora, assim, sua resistência à degradação física, química, térmica e ambiental, proporcionando também excelentes propriedades hidrofóbicas.

A ciência por trás dos silanos

Uma molécula de silano é feita por um átomo central de silício associado a uma combinação de outros quatro grupos químicos, sejam eles reativos ou não reativos, orgânicos ou inorgânicos. Um silano que contenha pelo menos uma ligação silício-carbono é conhecido como organosilano. 

Os silanos podem reagir entre si ou com qualquer grupo hidroxila em substratos inorgânicos, geralmente na presença de umidade, e assim formam uma ligação química mais forte, garantindo estabilidade e durabilidade. Eles também podem ser utilizados como intermediários que, ao reagirem, produzem silicatos e siliconatos, proporcionando maior resistência a manchas e melhores propriedades físicas em produtos diluíveis em água.

Funções e benefícios

Os silanos organofuncionais possuem uma composição química reativa que melhora o desempenho e durabilidade de seus compostos. São ideiais para tintas, tinturas e revestimentos devido a suas propriedades exclusivas. No setor de construção, trazem proteção de longo prazo e propriedades hidrofóbicas para pavimentos e calçadas, entre outros. Podem penetrar, reagir e se ligar a diferentes substratos e podem ser utilizados tanto em formulações base água, quanto em formulações base solvente. Versáteis e facilmente hidrolisados, os silanos são compatíveis com a maioria dos sistemas de ligantes e são adequados para produtos sustentáveis com baixo teor de VOC.

A maior aderência e melhor dispersão de preenchimento proporcionadas pelos silanos faz com que superfícies tratadas com esses compostos apresentem maior repelência química à água e a manchas, e maior resistência à radiação ultravioleta e à abrasão. Essas propriedades tornam os silanos apropriados para serem usados como:

  • Agentes de ligação
  • Promotores de aderência
  • Agentes Hidrofóbicos e Dispersantes
  • Sequestrantes de umidade
  • Estabilizadores de silicato


Recursos